02/09/10

Jesus: "Vou batê-los na Liga dos Campeões"


A estreia de Jorge Jesus no fórum de treinadores de elite da UEFA, que ontem teve início na sede da organização em Nyon, Suíça, foi, segundo o próprio, resultado do trabalho "desenvolvido na época transacta", que levou o Benfica à Champions desta temporada, prova onde o técnico encarnado promete fazer figura. Ao seu estilo, frontal e com as palavras disparadas pelas convicções, Jesus mostrou-se pouco intimidado pela experiência de alguns colegas e rivais, casos de José Mourinho, Pep Guardiola, Alex Ferguson ou Carlo Ancelotti, disparando ambição ao afirmar que espera batê-los na prova. "Se eu espero vencer alguns dos treinadores aqui [Nyon] presentes na Liga dos Campeões? Estou a pensar fazê-lo e não tenho dúvidas de que vou consegui-lo", exclamou.
"Participar neste fórum é uma experiência positiva, resultado de um trabalho difícil durante 20 anos. Não foi fácil, porque a minha capacidade como treinador ao longo de 20 anos foi muitas vezes bloqueada por outros assuntos que não têm nada a ver com a minha capacidade. Estou farto de afirmar isto: sou um catedrático do futebol, não sou de outras ciências, mas do futebol sou... e, portanto, estar aqui é uma etapa de muitas outras que vou ter no futuro como treinador", reforçou.
E nem o dissabor provocado pela contratação falhada do extremo internacional bielorrusso Aleksandr Hleb, que nos últimos dias do mercado preferiu trocar os espanhóis do Barcelona pelos ingleses do Birmingham, retirou confiança ao técnico no plantel que orienta. Mais, Jesus afiança que o clube tem "todas as condições para alcançar o bicampeonato". "É verdade que perdemos dois jogadores de corredores, como eram os casos do Di María e do Ramires. Tentámos solucionar o problema com a contratação de alguns, nomeadamente para o lugar do Di María, pois o Gaitán ainda se está a adaptar [ao futebol europeu]. Não esperávamos perder o Ramires e queria ter essa alternativa [mais um extremo]. Não conseguimos, mas temos jogadores no plantel que podem perfeitamente fazer essa posição de corredor", concluiu.
O Jogo

3 comentários:

  1. Anónimo2.9.10

    O Jorge Jesus anda a dar "os passos mais largos que as pernas" e como tal não são aconselháveis palavreados destes, sabendo-se que o Benfica NÃO ESTÁ BEM presentemente e o inicio da Champions League está aí. Com o Roberto na baliza é um (RO)aberto aos golos adversários e ainda o JJ anda a falar daquilo que deveria isso sim é INFORMAR os Benfiquistas da razão de querer este Guarda-redes POR ESTE PREÇO. Andam a tapar, a encobrir, a tentar fazer passar de que o Roberto é bom, mas o seu futuro está próximo aí sim a Champions ditará isso mesmo. ELE não é guarda-redes para o Benfica.

    ResponderEliminar
  2. Anónimo2.9.10

    Mas esses cacussos saõ mesmo atrevidos...Não comentam sobre os seus clubezecos só têm voz para os cluberão dos outros...comentem, falem babuseiras dos vossos clubezecos...jogadorecos..
    treinadorecos...e mais nada...Benfiquista 1000%

    ResponderEliminar
  3. Porque é que eu acho que o treinador está a falar de mais novamente?

    http://forcamagicoslb.blogspot.com/2010/09/nojo-de-gente.html

    ResponderEliminar